Início
Voltar

 

1ª do Carnaval 2006

 

 

Tô Bão ! 

Vinha eu, fim do dia, junto com Rose, Lívio, Sabrina e Chico dentro do Edwaldo. O Zé Carlos vinha mais atrás, com o Adriano e a Patrícia dentro do Raul.

Estrada tranqüila, apesar do subidão acascalhado, o sol já indo embora, direto na cara. Eu mostrando a força do motor Willys ao Lívio, que tá querendo entrar para a turma, com intenção de possuir um Jeep. Motor frio, 600 Km rodados após a retífica, uma dureza sem fim. M mas não agacha ao ver um desafio !

De repente um baque, e barulho de restolho de travessa de carroceria moendo... O Edwaldo adernado uns 45º prá direita. Liga-se tração, 2ª reduzida, e X na tração do bicho. Então vamos de ré e 1ª reduzida, prá balangar o Jeep e ver se sai. Que nada ! O X na tração tava lá. Ainda mais que os quatro Congas lisos, que o Edwaldo estava calçando, não estavam ajudando.

Recurso ? Passa a mão no PTT, avisa o Zé, e vai sinalizando para ele vir pelo pasto e arrastar o Edwaldo mais uma vez. E a Rose ainda veio solícita: "O que eu faço prá ajudar ?" "Pega a máquina e sai tirando foto de tudo !...", respondi.

Prá sair foi fácil. Fui falando pelo rádio com o Zé até esticar a corda. Depois foi só um pouquinho de motor que o Edwaldo tava fora do enrosco. O difícil foi acompanhar o Zé que, apesar da minha insistência pelo rádio para ele parar o carro, continuou. E eu não podia deixar meus 24 metros de corda esticarem pois ia acabar arrebentando ela, e não podia passar na frente da corda pois ia embolar ela toda no Jeep. Seguir o Zé foi realmente o mais difícil dessa história. Depois, já no chão desamarrando a corda, veio o Zé : "Moço ! Tava com medo desse treim voltar  !" "Mas num precisava sair correndo 50 metros, né Zé ?!..." Acho mesmo que o sol na cara do Zé Carlos, não deixou ele ver é patavina nenhuma. O mesmo sol já tinha me jogado no buraco ! 

Amigão o Zé Carlos ! Já me arrastou outras duas vezes. Mas que ele sempre me arruma um desorientamento, isso arruma ! Deve ser resultado do tanto que ele bebe. Qual o recurso ? Dar um beijo nele de agradecimento.

Um abraço,

03/06/2006

          Walter Júnior - B. Hte. -

waltergjunior@yahoo.com.br  

walter.junior@ig.com.br

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Início

Voltar